Sobre mim!

Olá!

Me chamo Adriano e tenho 34 anos.

Atualmente, tenho experiências profissionais na área de TI com suporte técnico a softwares corporativos e hardwares empresariais. Mas, além disso, sou estudante em bacharel de Design de Games na Universidade Anhembi Morumbi - uma instituição que faz parte do grupo internacional de ensino Laureat - no qual, o curso de design de games possui nota máxima no MEC, atualmente.

E desde então, venho desenvolvendo projetos relacionados ao game design e me profissionalizando nesta área.

Em todos os semestres, temos a oportunidade de desenvolvermos projetos em equipe para a produção de conteúdo voltado ao entretenimento e principalmente a produção de games.

E nesta oportunidade, desenvolvemos habilidades variadas desde a concepção que envolve metodologias organizacionais como o uso do método Scrum para o planejamento de projetos ou a processos de prototipagens em si embasado na ideia de design thinking, até a concepção do projeto, lançando mão de conhecimentos que abrangem:

  • Arte e animação 2D
  • Modelagem, texturização e animação 3D
  • Sound Design
  • Marketing e gestão em design
    • Plano de negócios
  • Programação em C# para o Unity
  • Documentação em design de games
    • Game Document Design (GDD)
    • Ten Pager
    • One Sheet Paper
Quer entender mais um pouco sobre o curso de design de games na Universidade Anhembi Morumbi?

Sempre fui apaixonado por games e aprender todo o processo de criação é uma realização cada vez mais apaixonante em minha vida profissional. Portanto, busco a oportunidade de fazer parte em uma empresa e/ou equipe que esteja envolvida com projetos relacionados aos processos criativos de desenvolvimento de games ou áreas correlatas, pois, assim posso aprofundar a minha experiência profissional na área e me engajar cada vez mais na realização dos meus objetivos profissionais.

Tenho uma facilidade em aprender e de me adaptar as adversidades que porventura possam surgir, além de sempre buscar mais conhecimento que possa agregar-me profissionalmente.

Também, tenho uma facilidade de manter um bom relacionamento em equipe e bastante compreensão com as diferenças de opiniões que sempre surgem ao decorrer do desenvolvimento projetual. Costumo buscar um relacionamento mais aberto com a liderança mas, sempre envolto aos sentimentos de união em equipe. E por conseguinte, tenho o costume de manter a manutenção de ideias que possam beneficiar os envolvidos nos projetos.

Somado a tudo isso, um bom-humor é indispensável para que todo o resto funcione bem!